11 de março: Dia da Gratidão aos profissionais que combateram a covid-19

Com o intuito de renovar, anualmente, a memória e a gratidão dos curitibanos a todos aqueles que trabalharam no combate à pandemia da covid-19 na cidade, a Prefeitura incluiu o Dia da Gratidão de Reconhecimento, 11 de março, no calendário oficial do município. A nova data comemorativa foi oficializada na manhã desta sexta-feira (11/3) pelo prefeito Rafael Greca, ao sancionar a Lei 15.955, de  autoria do vereador Tico Kuzma. O 11 de março também foi o dia em que, há dois anos (2020), Curitiba confirmou seu primeiro caso de covid-19 e que a Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou situação de pandemia pelo coronavírus.

“A gratidão e o reconhecimento são virtudes que devemos cultivar e esse reconhecimento é para profissionais que se dedicaram ao máximo, sem férias, por longos períodos, isolados de seus familiares, na missão de salvar vidas e dar esperança ao cidadão curitibano”, disse o vereador Tico Kuzma.

O prefeito sancionou a nova lei durante a entrega de mais de R$ 3 milhões em equipamentos para os hospitais da cidade, ao lado do vice-prefeito, Eduardo Pimentel, da secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak, e do presidente da Câmara Municipal de Curitiba, Tico Kuzma.

“Todas as pessoas que trabalharam na pandemia são dignas de louvor e aplausos. São a própria Luz dos Pinhais. Fica o sentimento de dever cumprido, de respeito ao próximo e à Ciência, do serviço profissional bem feito e da qualidade do SUS Curitibano. Fizemos todo o necessário para que nada faltasse e agora podemos afirmar a vida em plenitude”, celebrou Greca.

O Dia da Gratidão e Reconhecimento incentiva o agradecimento permanente a quem contribuiu para a manutenção da vida, o atendimento aos contaminados pelo vírus e à proteção de todos com maior campanha de vacinação já feita na cidade.

Eles são muitos: além dos profissionais da Saúde, contribuíram para que hoje o SUS Curitibano tenha a sensação de dever cumprido desde o prefeito – “Incansável”, como disse Márcia Huçulak – até aqueles que deram uma palavra de incentivo, passando pelo batalhão de trabalhadores de diversos setores (defesa social, urbanismo, ação social, esporte e lazer, entre outros) e os mais de 3 mil voluntários que cederam insumos, mobiliário, tecnologias e serviços contra a covid-19.

“Nossas equipes se reinventaram e fomos mais fortes que as dificuldades. Graças à união do grupo da Saúde, enfrentamos o vírus com a cara e a coragem. Quem passou pelas nossas mãos, desde o mais simples cidadão até o mais alto empresário desta cidade, conheceu nosso trabalho, nossa dedicação, o SUS de qualidade”, destacou a secretária da Saúde.

Dia para homenagens
Com criação do Dia da Gratidão de Reconhecimento, a Prefeitura, a Câmara Municipal, empresas, organizações sociais e cidadãos poderão realizar homenagens anuais para os trabalhadores da linha de frente contra a covid-19 em Curitiba.

A máscara cirúrgica branca, fundamental para evitar a disseminação da covid-19, foi instituída como símbolo do 11 de março. O uso da máscara ou de imagens pode ser adotado nas ações de homenagens alusivas ao dia, em forma de pins ou bótons, ícones nas mídias sociais e outras referências.

O prefeito recebeu de Kuzma balões alusivos à data, que também foram entregues à secretária municipal da Saúde, Márcia Huçulak; ao diretor do Hospital Cajuru, Juliano Gasparetto, e ao diretor geral da Fundação Estatal de Atenção à Saúde (Feas), Sezifredo Paz, simbolizando a celebração aos profissionais de toda a cidade, do SUS Curitibano e dos hospitais.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe em suas mídias sociais!

WhatsApp
Facebook
Twitter
E-mail

Receba notícias no seu e-mail

Assine a newsletter e fique por dentro
do meu trabalho como vereador.