Câmara e FCC inauguram projeto Muros da Mata Atlântica em Curitiba

Com a presença do prefeito Rafael Greca, nesta segunda-feira (14), os presidentes da Câmara Municipal de Curitiba (CMC), Tico Kuzma (Pros), e da Fundação Cultural de Curitiba (FCC), Ana Cristina de Castro, entregaram à capital do Paraná a mais nova obra do artista Alexandre Filiage, responsável pelo projeto Muros da Mata Atlântica. Ele está percorrendo dez cidades brasileiras, nas quais faz pinturas em áreas públicas, chamando a atenção da população para a importância da preservação e da recuperação ambiental.

No Paraná, apenas Curitiba e Foz do Iguaçu receberão pinturas do artista cujo projeto Muros da Mata Atlântica já passou por São Paulo e depois seguirá para Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Aqui na capital, o local escolhido foi a esquina da Travessa da Lapa com a avenida Visconde de Guarapuava, nas paredes externas do Anexo 3 do Legislativo, onde passam milhares de pessoas todos os dias, tanto no transporte coletivo, quanto na via rápida que corta a área central da cidade.

“São os muros da antiga estação de bondes, hoje parte das instalações da Câmara Municipal, entregues à criatividade de Filiage, um artista dedicado à Mata Atlântica. Essa obra agora faz parte do patrimônio cultural desta cidade, que nós amamos tanto”, agradeceu Greca ao artista. “A revitalização desse espaço é uma proposta da gestão, sobre a qual conversamos no ano passado com a presidente da FCC, e que, agora, a gente vê realizada essa primeira etapa, que dá mais vida a esse paredão”, acrescentou Tico Kuzma.

“Essa obra de arte chama a atenção das pessoas para esse espaço e para essa mensagem. Ela aproxima a Câmara das pessoas e incentiva os jovens a participarem e a desenvolverem atividades artísticas”, disse Kuzma. “Ficou lindo. A cidade só tem a ganhar se a gente utilizar os espaços que estão vazios para trazer a arte”, afirmou Ana Cristina de Castro, da FCC. Ela  conta que, tendo recebido o pedido da Câmara para a Travessa da Lapa e a requisição do artista por um espaço acharam uma boa ideia juntar as propostas.

“No bioma, antes coberto por sua exuberante vegetação e lar de centenas de espécies de animais, hoje moram cerca de 70% da população brasileira. Através das obras, essas pessoas são convidadas a participar do esforço fundamental de preservação e recuperação desse inigualável patrimônio natural”, explicou anteriormente Filiage à imprensa, que concluiu a pintura na sexta-feira. O projeto tem o apoio das Tintas Coral. A inauguração simbólica foi acompanhada pelo líder do governo na CMC, Pier Petruzziello (PTB), pela diretora-geral da CMC, Jussana Marques, e pela chefe de gabinete da presidência, Waleria Maida.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe em suas mídias sociais!

WhatsApp
Facebook
Twitter
E-mail

Receba notícias no seu e-mail

Assine a newsletter e fique por dentro
do meu trabalho como vereador.